Menu Interno


Eduardo Miron é o Novo CEO da Marfrig


Executivo, que ocupava a vice-presidência de finanças e relações com investidores, substitui Martín Secco no comando da segunda maior empresa de carne bovina do mundo

São Paulo, 3 de setembro de 2018 – A Marfrig Global Foods anuncia a escolha do executivo Eduardo Miron como seu novo presidente executivo. Miron substitui Martín Secco, que desde 2015 esteve à frente da companhia.

Miron chegou à Marfrig em 2010 e desde 2016 ocupava a vice-presidência de finanças e relações com investidores, em adição ao cargo de Chief Financial Officer (CFO) da Keystone Foods, nos Estados Unidos.  Antes de ingressar na Marfrig, trabalhou por 10 anos no Grupo Safra e por mais de duas décadas na americana Cargill, onde ocupou cargos de liderança no Brasil e nos Estados Unidos. Aos 55 anos, é graduado em Ciências Contábeis, pós-graduado em finanças e tem MBA pela Business School São Paulo/Universidade de Toronto.

“A escolha de Eduardo Miron para o cargo de CEO reforça nosso compromisso com uma Marfrig sustentável operacional e financeiramente. Miron esteve à frente das últimas operações estratégicas da companhia:  a compra do controle acionário da National Beef e a venda da Keystone. Com essas operações, a Marfrig se torna uma empresa mais simples, com foco em carne bovina e com uma plataforma global de produção e de distribuição. Passa a ser, também, uma empresa de baixa alavancagem”, diz Marcos Molina dos Santos, acionista controlador e presidente do Conselho de Administração da Marfrig.

Nos últimos anos, a Marfrig implantou as estratégias estabelecidas no plano Focar para Ganhar, tendo como um dos principais objetivos a redução da alavancagem, medida pela relação Dívida Líquida/Ebitda Ajustado, para 2,5 vezes até o final de 2018. Durante a gestão de Martín Secco, diversas metas do plano foram alcançadas.  A compra do controle da americana National Beef, em abril deste ano, e a recente venda Keystone Foods foram medidas fundamentais para o atingimento desse objetivo.

Agora, sob o comando de Miron, a Marfrig reforçará seu processo de geração de valor por meio da sustentabilidade financeira, integração e sinergia com a National Beef, e no caso da América do Sul, de uma gestão baseada em excelência operacional, na valorização de seus produtos e marcas e na revisão de sua estrutura. “Vamos trabalhar para gerar valor em todas as dimensões do negócio”, diz Miron. “Queremos ser uma empresa reconhecidamente sustentável na forma como conduzimos as finanças, no retorno oferecido a acionistas e investidores, nas relações com pecuaristas, funcionários, clientes e consumidores.”

Nova Estrutura

A partir de agora, a Marfrig será composta por duas operações: América do Sul, responsável pela operação no Brasil, Uruguai, Argentina e Chile, e América do Norte, que engloba os negócios da National Beef e a fábrica de hambúrguer, em North Baltimore.

O executivo escolhido para comandar a operação América do Sul é Miguel Gularte. Aos 59 anos, Gularte é médico veterinário de formação e tem um histórico profissional de mais de 37 anos no setor de carne bovina. Iniciou sua carreira na Cooperativa Industrial de Carnes e Derivados (Cicade), foi presidente do frigorífico uruguaio PUL, vice-presidente internacional do Minerva e presidente da JBS Mercosul.  Na Marfrig, será responsável por 31 unidades em operação no Brasil, Uruguai, Argentina e Chile. 

A operação América do Norte continuará liderada por Tim Klein, CEO da National Beef. Klein, 61 anos, está na National Beef, quarta maior empresa de carne bovina dos Estados Unidos, desde 1997. Trabalhou como principal executivo de operações da companhia (COO) até ser nomeado CEO em julho de 2009.

Na área corporativa da Marfrig, Marco Spada assume a vice-presidência de finanças e de relações com investidores e Fabio Vasconcellos será o vice-presidente de planejamento e gestão.

Spada, 43 anos, é engenheiro formado pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, com pós-graduação em administração de empresas pela Fundação Getulio Vargas. Iniciou sua carreira na subsidiária brasileira da Cargill e está há nove anos na Marfrig, onde ocupou várias posições, incluindo a gerência financeira da Keystone em Hong Kong, até chegar a diretor de tesouraria da Marfrig, cargo que ocupava desde 2013.

Fabio Vasconcellos está há nove anos na companhia atuando em diversas posições de gestão na área financeira – e, desde 2016, estava baseado nos Estados Unidos, onde exerceu os cargos de financial head da Keystone e de controller global da Marfrig. Vasconcellos fez carreira em empresas multinacionais como E&Y e Cargill. Aos 38 anos, é administrador de empresas pela Universidade do Estado de Santa Catarina e MBA em finanças e controladoria pelo INPG.



Voltar