Menu Interno


Amazônia legal 1


O Marfrig suspendeu a compra de gado de 170 fazendas localizadas a pelo menos um quilômetro de novos pontos de desmatamento no bioma amazônico. O frigorífico é um dos que assumiram compromisso de não comprar mais animais para abate de áreas de desmatamento ilegal.

(Jornal Folha de São Paulo)

Voltar