Menu Interno


Frigoríficos não compram mais de 221 fazendas


21 de julho de 2010 | 0h 00
- O Estado de S.Paulo

Os frigoríficos JBS/Bertin, Marfrig e Minerva anunciaram ter deixado de comprar gado de 221 fazendas localizadas dentro de terras indígenas e unidades de conservação ou perto de áreas recém-desmatadas na Amazônia. Outras 1.787 propriedades, que ficam em um raio de até 10 km de novos desmatamentos, unidades de conservação e terras indígenas, passam por averiguação.

"A apresentação dos números é uma clara e bem-vinda sinalização de que o setor está de olho nas novas exigências do consumidor preocupado com o meio ambiente", diz Paulo Adário, diretor da campanha da Amazônia do Greenpeace.

(Jornal O Estado de São Paulo)



Voltar