Menu Interno


Randon lidera ranking de recomendações em carteiras de small caps para julho


SÃO PAULO - A Randon (RAPT4) se manteve isolada na liderança das carteiras de small caps para o mês de julho. A empresa foi recomendada em todas as três carteiras avaliadas este mês: Senso, SLW e Omar Camargo. Todas as outras empresas mencionadas nos portfólios para o mês receberam apenas um voto.

Em sua recomendação à Randon, a SLW destacou a recuperação na demanda por ônibus e caminhões no País, fruto da recuperação da economia. Atualmente é estimado que a idade média da frota de caminhões no Brasil esteja na faixa de 17 anos, considerado fora dos parâmetros internacionais de utilização e segurança. "Desta forma, considerando que o País deve ingressar em um ciclo de crescimento forte para os próximos cinco anos, aguardamos que a Randon seja uma das empresas favorecidas por este cenário de crescimento econômico", afirmaram os analistas.

As boas perspectivas do mercado para o setor seguem sendo refletidas nas recomendações da empresa. "Estamos confiantes em relação ao setor de autopeças, que tem apresentado melhores resultados", disse Victor Penna, analista do BB Investimentos. Em relatório recente, o analista recomenda compra aos ativos da Randon, com preço-alvo R$ 13,00 por ação.

De acordo com Penna, o crescimento do setor vem se apoiando nas linhas de crédito do BNDES (Bando Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social). "Além disso, o setor também cresce à medida que o País cresce e investe em infraestrutura, somando com a própria defasagem no qual se encontra, com frotas envelhecidas e necessidade de melhorias no transporte", comentou o analista.

O analista do BB mencionou que o cenário para este ano é "bastante positivo". Penna espera um incremento nas vendas da empresa, estimulado pelo mercado interno, principalmente pelos setores de infraestrutura, construção civil e transporte de combustíveis.

"Além disso, a empresa também poderá contar com fortes investimentos do governo nas áreas de saneamento e nas obras direcionadas aos eventos esportivos como a Copa do Mundo e as Olimpíadas", disse o analista. O BB espera ainda que a Randon amplie seu processo de internacionalização através de aquisições. "Segundo a Randon, os R$ 200 milhões que deverão ser investidos em 2010 não serão direcionados para novos projetos, mas sim destinados à América Latina e África, que são mercados que estão se mostrando cada vez mais fortes", explicou Penna.

Produção industrial
Vale dizer que a produção industrial brasileira se manteve estável na passagem de abril para março, segundo a Pesquisa Industrial de Produção Física, divulgada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) no início do mês.

De acordo com a pesquisa, o indicador avançou 4,5% no acumulado em 12 meses, o melhor resultado já visto desde novembro de 2008 (4,8%). Em relação a maio de 2009, o setor cresceu 14,80%. Esta é a sexta taxa positiva consecutiva de dois dígitos neste tipo de comparação.

Empate na segunda posição
Também foram mencionadas nas carteiras de small caps do mês de junho as seguintes companhias: Redecard (RDCD3), Localiza (RENT3), Indústrias Romi (ROMI3), Rossi Residencial (RSID3), Sul América (SULA11), Marcopolo (POMO4), OHL Brasil (OHLB3), Marfrig (MRFG3), Lupatech (LUPA3), Hering (HGTX3), Hypermarcas (HYPE3), AES Tietê (GETI4), Eternit (ETER3), Fosfértil (FFTL4), Equatorial Energia (EQTL3), Confab (CNFB4), Coelce (COCE5), Banrisul (BRSR6). Todas tiveram uma recomendação cada.

(Portal Infomoney-SP)



Voltar