Menu Interno


Marfrig se associa ao Instituto Pacto Nacional pela Erradicação do Trabalho Escravo


São Paulo, 10 de setembro de 2014 - A Marfrig Global Foods, uma das maiores empresas globais de alimentos, anuncia que acaba de se associar ao Instituto Pacto Nacional pela Erradicação do Trabalho Escravo (InPACTO), reafirmando o seu compromisso contra o trabalho escravo. O InPACTO foi criado em maio deste ano com o objetivo de fortalecer e ampliar as ações realizadas pelo Pacto Nacional pela Erradicação do Trabalho Escravo.
 
Desde 2005, a Marfrig é signatária do Pacto Nacional pela Erradicação do Trabalho Escravo e, desde 2009, está comprometida com os "Critérios para Operações com Gado e Produtos Bovinos em Escala Industrial no Bioma Amazônia" da organização não-governamental Greenpeace, que também visa mitigar atividades em condições análogas ao trabalho escravo.
 
A partir do compromisso público assinado com o Greenpeace, a Marfrig criou um modelo de monitoramento geoespacial da rede de produtores de gado que atua no Bioma Amazônia, agregando ciência, tecnologia, eficácia e transparência ao processo de gestão da cadeia dos seus fornecedores, inclusive em relação ao cumprimento da legislação trabalhista.
 
Este projeto de monitoramento geoespacial teve início em 2010 e, posteriormente, a empresa também investiu em outras iniciativas com o objetivo de garantir carnes produzidas de forma sustentável para os consumidores, como o Marfrig Club, que foi criado no mesmo ano, para conscientizar os pecuaristas sobre temas relacionados a uma produção de carne legal, segura e sustentável.
 
O Marfrig Club baseia-se em três princípios: respeito animal (bem-estar animal, sanidade, nutrição e rastreabilidade); respeito social (normas trabalhistas, habitação, educação e incentivos); respeito ambiental (preservação da vegetação, do solo, da água e dos resíduos).
 
"O monitoramento de toda a nossa cadeia produtiva é parte fundamental dos nossos negócios e, em conjunto com os compromissos dos quais somos signatários, o Marfrig Club nos permite validar de forma eficaz a nossa cadeia de fornecedores", afirma Leonel Augusto Martins Almeida, gerente de Pecuária da Marfrig Global Foods e coordenador do Marfrig Club.
 
De acordo com a auditoria da DNV - consultoria contratada com o objetivo de avaliar de modo independente as informações e processos da Marfrig - em 2013, não foi identificada nenhuma operação de compra de gado que contrariasse os pontos do compromisso público assumido com o Greenpeace.


Voltar