Menu Interno


Novo contrato pagará R$ 435 mi e helicóptero à CBF


De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, o acordo firmado com a Seara, empresa do Grupo Marfrig, dará cerca de R$ 435 milhões para a CBF, que acertou vínculo até 2026. As cifras da milionária parceria significam uma média de R$ 27 milhões de recursos por ano para a entidade máxima do futebol brasileiro, que ainda recebeu um bônus: se trata de um helicóptero, a ser comprado em breve pela patrocinadora.

A aeronave deve ser de grande valia para Ricardo Teixeira, presidente da CBF, durante a Copa de 2014. Ele pretenderia, segundo o jornal, ceder o helicóptero à alta cúpula da Fifa, além de utilizá-lo para poder ver mais de um jogo por dia durante o Mundial a ser realizado no Brasil.

Pelo contrato, a Seara irá aparecer nas costas do uniforme de treino da Seleção pelas próximas quatro Copas e assim ampliar sua participação, já que detém publicidade estática do próximo Mundial.

(Terra Esportes - 24.12.2010 - Corumbá Online - MS)



Voltar