Menu Interno


Indústria: Cade aprova novas operações do grupo Marfrig.


O arrendamento de seis plantas industriais do grupo Margem pela Marfrig foi aprovado nesta quarta- feira, 24, pelo Cade, Conselho Administrativo de Defesa Econômica. Em setembro de 2009, foram firmados dois protocolos com empresas do grupo Margen (Magna e Berque) para arrendar plantas de abate, produção e embalagens de carnes bovinas localizadas em Rio Verde, GO, Paranaíba, MS, Rolim de Moura, RO, Ariquemes, RO, Mãe de Rio, PA e Paranavaí, PR.

Olavo Chinaglia, relator do processo no Cade, concluiu que as operações da Marfrig não trazem problemas de competição no segmento de frigoríficos e indicou que o caso fosse aprovado pelo rito sumário - um sistema pelo qual não é preciso nem a leitura do voto do relator. Os demais conselheiros aceitaram e o caso foi aprovado.

De acordo com o fato relevante divulgado em setembro de 2009, o acordo prevê o arrendamento de 11 plantas frigoríficas, que possuem capacidade de abate de 8,8 mil cabeças de gado por dia. De acordo com informações da Seae, Secretaria de Acompanhamento Econômico, do Ministério da Fazenda, em todos os Estados em que houve o arrendamento de plantas pela Marfrig, a participação da companhia no segmento de carne bovina não ultrapassou 20% do mercado total.

(Portal DBO)

Voltar