Menu Interno


Marfrig realiza projeto em Tangará da Serra.


O grupo Marfrig, um dos líderes mundiais no segmento de carnes, realiza projeto de controle de qualidade de animais da raça Nelore em unidade frigorífica em Tangará da Serra (a 239 quilômetros de Cuiabá). O Programa Qualidade Nelore Natural já contemplava algumas unidades no país e passa por um processo de expansão em parceria com a Associação de Criadores de Nelore do Brasil (ACNB).

Com o Programa, além do controle dos animais dentro das unidades de abate, técnicos também percorrem as propriedades, avaliando as condições de criação e orientando sobre bem-estar animal, além de responsabilidade social e ambiental das propriedades. Dentro das unidades de abate os técnicos da ACNB fazem inspeções a respeito do peso do animal, da quantidade de gordura e idade.

O novo presidente da Associação de Criadores de Nelore de Mato Grosso (ACN-MT), Hermes Botelho de Campos, diz que a iniciativa do Marfrig, além de trazer garantias para o consumidor, contribui para o melhoramento da raça e qualidade da carne. Em Mato Grosso, cerca de 27 milhões de cabeças de gado são da raça Nelore, o que representa 92% do total do rebanho do Estado e 12% dos animais da raça no país. A preferência dos produtores mato-grossenses é, segundo Campos, em virtude da boa adaptação dos animais ao clima local e à vegetação.

Posse - O ex-presidente da ACN-MT Fernando Porcel empossou na noite desta sexta-feira (15) o produtor da região de Barra do Bugres e Rosário Oeste, Hermes Botelho de Campos, como novo representante da entidade juntamente com a nova diretoria e Conselho Administrativo.

(Jornal A Gazeta / Arenápolis News, MT)

Voltar